Orphan Black – Dica de série

Hi there!

Então, como vocês sabem nós não temos mais TV a cabo a quase um ano e somos totalmente viciados em Netfllix. Entquanto eu estou lavando louça, passando roupa ou cozinhando, lá está o tablet junto comigo nas tarefas domésticas, e ai eu vou intercalando entre YouTube e Netflix. Bom, eis que essa semana eu descobri a série Orphan Black. UAU. Eu simplesmente devorei a primeira temporada em poucos dias e hoje vim falar dela para vocês!

🙂

A música e a intro são tão bacanas!! <3 Vou começar por ai!

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=aBXaRbqzmzc&w=560&h=315]

Essa série vai ser difícil de comentar e recomendar sem dar spoilers, mas vou tentar ao máximo. Bom, se você não curte roteiros Sci-Fi + ação já pode parar de ler este post por aqui! Lembrando que eu só assisti a primeira temporada, vou ver a segunda durante o feriado, e como o roteiro desenvolve rapidamente pode ser que muita coisa mude! Estou bastante animada!

001

A personagem principal é a Sarah Manning, uma punk bastante solta e perdida na vida. Orfã, foi adotada pela Mrs. S e tem um irmão adotivo chamado Felix que sempre a ajuda nas suas maluquices. Sarah também é mãe de uma menina chamada Kira, cuja guardiã legal é a Mrs. S também! A série começa com Sarah chegando numa estação de trem e falando ao orelhão a respeito da sua filha… Até que ela presencia um suicídio de uma moça (Beth Childs) , mas o que é ainda mais estranho é que elas são idênticas!

002

Sarah, que é muito espertinha, assume a identidade de Beth após descobrir que ela levava uma vida super estável e tinha bastante grana na conta. Sendo assim, pede para que Felix identifique o corpo como sendo dela, Sarah. O plano é que eles zerassem a conta da Beth e fugissem: Felix, Sarah e Kira para recomeçar uma vida longe do passado deles e do violento ex namorado de Sarah, o Vic. Maaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaas…

007

Logo a ação começa a acontecer. Sarah descobre que Beth é na verdade uma policial cheia de segredos, não só dentro da força mas também na sua vida pessoal. Aos poucos, Sarah começa a descobrir o que pode ter levado Beth ao suicídio. Por ser órfã, ela acredita que Beth era sua irmã gêmea, mas logo várias outras Sarah de personalidades e localizações diferentes começam a surgir.

BiJLzLACAAEOX8n

Ai começa o Sci-Fi pesaaaaado! Sarah descobre que estas várias versões dela estão espalhadas pelo mundo e foram frutos ou de inseminações artificiais ou adoções. Cada uma delas seguiu um rumo diferente na vida, mas hoje mantém contato e formam o “Clone Club” aonde tentam descobrir o que são elas, e qual o propósito da existência além de ter que lidar com um Serial Killer que está matando todas elas, uma por uma!!!!

006A partir daí não vou contar mais detalhes, mas espero que vocês assistam. Cada episódio acontece uma coisa nova e que faz com que eu fique totalmente boquiaberta a respeito dos acontecimentos!!!! Uma certeza: A série é ÓTIMA!

004Agora, vale a pena aplaudir de pé a a atriz Tatiana Maslany. Que consegue dar vida a todas as versões das personagens de uma maneira incrível. Cada clone foi criado em um lugar, então ela tem que fazer transições irreais de sotaques, jeitos, manias e modos. E, uau, ela faz isso perfeitamente bem!!!!!

Just one, I'm a few, no family, too. Who am I? A clone.
Just one, I’m a few, no family, too. Who am I?
A clone.

Aqui uma entrevista com a atriz a respeito do desafio que é participar desse projeto. Se esse post não te convenceu a assistir, esse vídeo vai!!!

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=GjlnFysWomk&w=560&h=315]

Espero que vocês gostem dessa recomendação!!!

That’s it e até amanhã! 😀

Share on FacebookPin on PinterestTweet about this on TwitterShare on RedditShare on Google+Share on LinkedIn

Comments



0 thoughts on “Orphan Black – Dica de série”

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *