Como planejar suas refeições mensais e lista de compras?

Se você me acompanha no instagram costuma ver uns pratinhos e invenções que eu faço aqui em casa afinal eu almoço todo dia em casa e o Tiago leva marmita para o trabalho. As vantagens são várias:

  • Como moramos em outro país, é bom ter uma comidinha caseira diariamente ao invés de apenas opções de fast-food;
  • Dinheiro! Já fizeram as contas de quanto se gasta comendo fora?
  • Voltando aos restaurantes, quando a comidinha é caseira a gente garante que ela vai ser bem preparada, lavada e etc.

No início do casamento, eu cozinhava diariamente, além de cansativo nos dias mais cheios eu estava correndo contra o relógio. Hoje achei um sistema para viver sem estresse e fazer todas essas refeições com calma! Vou compartilhar com vocês aqui no post. Antes de mais nada a palavra chave é:

Planejamento

Um planejamento bem feito evita que você tenha que sair correndo no mercado para comprar um ingrediente que esteja faltando ou ter que ficar inventando o que cozinhar em cima da hora. Isso faz muita diferença! Meu planejamento acontece na última semana do mês anterior, antes de sair às compras e não existe técnica melhor que: sentar e escrever.

Como planejar suas refeições e sua lista de compras?

Meu ciclo de planejamento é o seguinte:

  1. Usualmente eu elejo duas carnes por semana para os pratos principais, por exemplo: Salmão e filé, ou peito de frango e carne de panela.
  2. Decididas as carnes eu busco no pinterest receitas que tenham as que eu escolhi e salvo numa pasta de “Meal Prep Janeiro”, por exemplo. É importante salvar, em meio à tantas abas, é capaz que você perca uma receita que gostou. Simplesmente vá salvando ainda que você acabe escolhendo outra.
  3. Depois de ter revisitado as receitas, é hora de decidir 2 principais por semana. E ai planejar os acompanhamentos. Por exemplo se eu escolhi salmão grelhado, os acompanhamentos podem ser legumes cozidos. Se foi tirinhas de bife, pode ter o bom e velho feijão com arroz e salada e por aí vai.
  4. Vá ao seu planner e escreva os pratos principais e acompanhamentos nas semanas designadas. Se você tem o hábito de jantar o que almoçou considere isso na hora de quantificar os ingredientes das receitas!
  5. Aproveite esse momento para colocar na lista de compras os ingredientes das receitas que escolheu, assim não tem risco de esquecer de comprar algum. Não deixe de anotar antes do mercado, assim não vai precisar ficar acessando na hora H das compras as receitas para ver os ingredientes.
  6. Feito isso, que é a parte mais trabalhosa, planeje os cafés da manhã, lanches e jantares. Lembrando de adicionar tudo na lista de compras, ainda mais para essas receitas como bolos, frutas, sopas que envolvem uma série de detalhes e ingredientes.

Além das receitas planejadas eu gosto de fazer e congelar umas receitas coringas como: almôndegas de forno, carne de panela com legumes, alguma torta salgada e por aí vai. São ótimas para um final de semana ou algum momento surpresa em que não temos tempo de cozinhar. Se você me segue a um tempinho, sabe que eu tiro um final de semana para fazer e congelar absolutamente tudo (que possa ser congelado) e assim ficar livre ao longo do mês!

Também vale a pena considerar os finais de semana no seu planejamento, comer fora por dois dias em quase todas as refeições pode representar um gasto maior do que o esperado. Então incluir coisas diferentes como hambúrguer caseiro (clica aqui, tem receita!), pizza, cachorro quente, risotto, uma saladinha diferente etc. Pode dar uma carinha especial ao final de semana e além de ser mais em conta, é gostoso cozinhar em família e mais saudável também! 

Não esqueça de colocar na sua lista de compras outros “extras” como aquele biscoitinho/chocolate que você gosta ou snacks mais práticos para carregar na bolsa. Assim não rola aquela tentação de ficar saindo para comprar besteira e é mais fácil de se organizar!

Como eu disse, esse processo envolve escolhas bem pessoais! Se você usa agenda, planner ou bullet journal pode considerar acrescentar uma página ai para te ajudar nesse processo. Aos mais moderninhos, uma tabela no excel pode quebrar um galho ou até mesmo recorrer ao pinterest e procurar modelos lindos que várias pessoas disponibilizam para download!

Para a lista de compras os mesmos caminhos são recomendados mas no meu caso eu uso um app chamado “Out of milk” que sincroniza a minha lista com o meu marido e onde podemos ir marcando no mercado o que já pegamos, bem como o preço do produto para comparar se aumentou ou não no próximo mês ou com o preço final do caixa!

Talvez esse outro post aqui sobre dicas gerais de meal prep possa te interessar também! Clica aqui!


Espero muito que esse post possa ter te ajudado! Tem mais alguma dica? Deixa ai nos comentários!

Share on FacebookPin on PinterestTweet about this on TwitterShare on RedditShare on Google+Share on LinkedIn

Comments



Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *